Black Friday 2019: cuidados na hora da compra

Novembro é notoriamente conhecido pelo aumento da oferta de produtos e serviços com grandes descontos. Apesar da promoção “Black Friday” ter uma data específica (29/11), empresas aproveitam a oportunidade para estender suas promoções e alavancar as vendas de final de ano. Justamente por conta deste aumento nas vendas, com descontos atrativos, o consumidor precisa redobrar os cuidados na hora de realizar as compras.

A orientação do Procon é que antes de ir às compras, o consumidor faça uma pesquisa sobre o preço atual do produto ou serviço que pretende adquirir e, assim, identificar o valor mais atrativo para bolso.

“A prática da ‘metade do dobro’ ainda é comum neste período do ano e uma simples pesquisa de preço prévia pode revelar se aquele desconto é, de fato, real”, recomenda o secretário municipal de Proteção e Defesa do Consumidor, João Paulo Souza Oliveira. Segundo o coordenador do Procon, sites “buscadores” (como Buscapé, Zoom, Baixou, entre outros) fornecem histórico de preço dos últimos 6 meses.

Em caso de compras pela internet, é preciso confirmar se a fonte do site é confiável e verificar a reputação da empresa online. “Por ser um período onde há uma procura maior de produtos na internet, falsários aproveitam para aplicar golpes”, alerta. Sites desconhecidos precisam ser evitados. O consumidor pode buscar informações sobre os sites em www.reclameaqui.com.br ou na lista divulgada pelo Procon paulista (https://sistemas.procon.sp.gov.br/evitesite/list/evitesites.php).

“Para evitar surpresas desagradáveis, recomendamos que os consumidores registrem toda a operação feita pela internet, salvando a oferta, o pedido e o comprovante de pagamento em arquivos de imagem”, acrescenta João Paulo. É importante relembrar que para produtos adquiridos pela internet o consumidor tem sete dias de prazo para desistir da compra injustificadamente.

Outra dica é não repassar dados pessoais e bancários para estranhos e desconfiar das ofertas que fogem do senso comum. “Por fim, recomenda-se que o consumidor leia atentamente as condições de compra, as especificações do produto e regras de devolução e troca de produtos”, completa o coordenador.

Os comentários estão encerrados.

Dúvidas? Confira nosso FAQ