Especial Dia dos namorados: Comidas Afrodisíacas

Supermercados-Namorados.

Especial Dia dos namorados: Comidas Afrodisíacas

 

 

 

Como surgiu a data no Brasil?

O dia teve uma origem comercial, em 1948, quando a rede de lojas Clipper notou que no mês de junho as vendas sempre diminuiam, devido à ausência de uma data comemorativa no mês. Para conseguir reverter essa situação, a empresa contratou o publicitário João Dória que copiou o Valentine’s Day e escolheu o dia 12 de Junho para as comemorações. Essa data não foi escolhida ao acaso pois no Brasil, as mulheres que buscam um amor, homenageiam o Santo Antônio (Santo Casamenteiro), no dia 13 de junho. Para complementar o marketing do João, lançou o slogan “não é só com beijos que se prova o amor” dando resultado na tradicional troca de presentes.

Alimentos e suas propriedades estimulantes

Esses alimentos não curam disfunções sexuais, mas podem combater a fadiga, aumentar o vigor físico e contribuir para a ejaculação do homem e lubrificação da mulher. Para completar essa data, pode realizar um jantar romântico ou uma entrada para apimentar a noite.

1) Ostra
As propriedades estimulantes das ostras estão associadas à quantidade de zinco presente no alimento, que favorece a disposição física e o aumento da energia corporal.

2) Gengibre
O gengibre tem propriedade vasodilatadora, que auxilia na irrigação sanguínea da região genital, estimulando tanto a ereção masculina quanto a lubrificação feminina.

3) Cereja
As frutas vermelhas em geral estimulam a produção da adrenalina, hormônio que atua como neurotransmissor responsável por acabar com a fadiga. A produção deste hormônio deixa o corpo mais preparado para grandes esforços. Ao comer cereja, morango ou framboesas, não faltará disposição para o prazer!

4) Aspargo
Além de também promover a vasodilatação, o aspargo é rico em magnésio, importante para a produção de serotonina, o hormônio do bem-estar, fundamental para a libido. Sem contar que seu formato fálico pode estimular ainda mais a brincadeira.

 

5) Pimenta


Apimentar a relação é uma expressão usual que quer dizer justamente ativar a chama do desejo. A pimenta aumenta a frequência cardíaca e funciona como um aditivo para a sensação de excitação.

6) Amendoim
A fama desta oleaginosa não existe impunemente. Trata-se de um alimento energético, com grande quantidade de vitamina B3 que colabora para a vasodilatação sanguínea. Foi um dos primeiros alimentos a serem estudados por seus efeitos no aumento da libido e do apetite sexual.

Compartilhe o melhor site de promoções

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Dúvidas? Confira nosso FAQ