O que o varejo aprendeu com a pandemia

A inesperada pandemia do coronavírus trouxe consigo muitas mudanças e incertezas, e uma dessas mudanças foi a grande aceleração da digitalização do consumidor. Todas as gerações de consumidores e o varejo foram obrigados a mudar de perfil e aderirem o e-commerce.

O varejo sofreu, mas também aprendeu muito com a pandemia. De acordo com o IEMI (Inteligência de Mercado), até 2019, 90% dos pequenos negócios não tinham presença digital, mas desde março de 2020, por conta do isolamento social, mais de 135 mil lojas aderiram às vendas pelo comércio eletrônico. Além disso, muitos perceberam a importância de estar presente nas redes sociais e de gerar conteúdo de maneira atrativa para seu público, podendo assim até encontrar potenciais clientes. Mas não é apenas estar na internet, o diferencial é a interação com o público. Para se destacar é importante dialogar e engajar com o consumidor no meio digital, seja através de vídeos, lives, até mesmo respondendo dúvidas e comentários. A conexão com o público é essencial.

Ter um planejamento é indispensável para gerenciar um negócio, pois com ele é possível traçar metas e definir quais caminhos serão tomados para atingir seus objetivos. Muitas empresas acabam fechando suas portas pelo fato de não terem um planejamento bem pensado, por isso é essencial ter um planejamento e um direcionamento muito bem estruturado. Em 2020, as empresas tiveram de se adaptar rapidamente para não acarretarem problemas futuros e possivelmente fecharem seus negócios. Ou seja, na situação atual, adaptação é questão de sobrevivência.

Por fim, algo que o varejo aprendeu durante este período foi a importância da diversificação, não apenas dos canais de vendas, mas também de produtos e públicos. Os negócios que conseguiram dar a volta por cima e superar o momento de crise foram os com mais opções de produtos e soluções para os seus consumidores.

Apesar das dificuldades e grandes desafios, o ano de 2020 rendeu muitos aprendizados para todos!

Os comentários estão encerrados.

Dúvidas? Confira nosso FAQ