Otimismo no varejo para 2020

Varejo ampliado, faz considerações de serviços de veículos, motos, partes e peças e materiais de construção, cresce 3,9% em 2019, fazendo com que gere otimismo para 2020. A previsão para o ano de 2020 é de continuar crescendo o setor de varejo.

O assessor econômico da FecomercioSP, Altamiro Carvalho, concede o bom resultado à diminuição do desemprego e da inflação, além de crédito mais barato por causa do juro baixo.

No dia 14/02/2020, o IBGE divulgou o Pnad contínua, que apresentou a redução na taxa do desemprego, em 2018 no quarto trimestre a taxa era de 11,6%, reduzindo para 11% nesse mesmo período em 2019.

A FecomercioSP orienta os varejistas a iniciarem as negociações com os fornecedores o quanto antes, assim, os mercadores devem conseguir acordos mais favoráveis, favorecendo o aumento das margens.

A área de e-commerce, internet como canal de venda, deve faturar mais de R$ 100 bilhões, segundo a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABcOMM). Estima que as vendas online cheguem a movimentar R$ 106 bilhões, o que caracterizaria um crescimento de 18% comparando à 2019.

Os comentários estão encerrados.

Dúvidas? Confira nosso FAQ